SAÚDE EM CORES

 

A IMPORTÂNCIA DE UMA ALIMENTAÇÃO COLORIDA

 

I ) Aspectos Gerais


A alimentação saudável compreende uma dieta balanceada, colorida e variada, dosando-se quantidades sem perder de vista a qualidade, de forma que, satisfaça plenamente as necessidades doorganismo.

Importante ressaltar a moderação na ingestão dos alimentos tendo em mente que devemos nos alimentar para viver e não viver para comer.

Uma boa alimentação envolve cereais, sementes, frutas, verduras e legumes de várias cores, dê preferência as da estação, porque além de serem mais baratas são mais ricas em nutrientes, especialmente vitaminas e sais minerais.

Quanto mais colorido for o prato que você ingerir, maior será o benefício para a saúde por contermais substâncias antioxidantes, que combatem os radicais livres, cada tipo de alimento de uma cor diferente , representa um princípio ativo, que age na prevenção de doenças crônicas inclusive o câncer.


Segundo as nutricionistas o ideal é que se atinja o mínimo de três a quatro cores diferentes nas
principais refeições desjejum, almoço e jantar.

 

II ) Aspectos benéficos específicos por cor

Alimentos laranja

Ricos em vitamina A e C possuem ótimos antioxidantes combatendo os radicais livres, são benéficos para a pele e pode ser encontradas na cenoura, abóbora, tangerina, manga e batata doce.


Alimentos amarelos

São alimentos também antioxidantes e ricos em vitamina A e C. agem no fortalecimento dos tecidos, dos cabelos, combatem a cegueira noturna, mantém o sistema nervoso saudável.

Protegem o coração e aumentam de maneira geral a imunidade do organismo. Estão presentes no abacaxi, ameixa amarela, caju, pêssego, carambola, damasco, mamão, milho, pimentão amarelo, melão, limão e maracujá.


Alimentos vermelhos

Os alimentos vermelhos são também antioxidantes contém licopeno uma substância que produz a cor avermelhada que aliada a vitamina C.

Atua na proteção contra diversas doenças, auxiliando na prevenção do diabetes, da hipertensão, das doenças vasculares, do envelhecimento precoce e impedem o aparecimento do estresse físico e mental.

Podemos citar o pimentão vermelho, tomate a beterraba, maça, melancia, cereja, repolho roxo, morango uva, caqui, framboesa, pitanga, romã, goiaba e a nectarina.



Alimentos verdes

Os alimentos verdes também apresentam antioxidantes que combatem os radicais livres, contém ferro,cálcio, potássio, magnésio, vitaminas A, C, e K, a cor verde é resultante da clorofila um potente energético celular.


Além das propriedades da vitamina A e C já citadas nas outras cores, podemos falar sobre a importancia do ferro.

Encontrado nas fontes animais como a carne, peixe, gema de ovo e cereais, é também encontrado em grande proporção nos vegetais. Em especial nos verde escuro como o espinafre, o brócolis, e a couve, participam na formação dos glóbulos vermelhos, que levam o oxigênio para as células de todo o corpo, sua insuficiência provoca a anemia.

As substâncias presentes, nos vegetais verdes têm propriedades antiinflamatórias, protege contra cataratas, e reduzem o risco de diversos tipos de câncer, previnem contra doenças cardíacas, diabetes, osteoporose, derrames, cáries, e ajudam na diminuição dos índices de mortalidade infantil.

Os vegetais verdes contém mais vitaminas C que as laranjas, mais vitamina E que o trigo, são encontrados também na couve-flor, acelga, alface, repolho, salsa, agrião, chicória, rúcula, pimentão verde, manjericão, abacate, kiwi, ervilha, abobrinha, quiabo, vagem, ervilha, limão e pepino.


Evite após as refeições o consumo de chá e café, pois a substância tanino constante desses
produtos, inibem a absorção do ferro e do cálcio.


Alimentos brancos

Os alimentos brancos, ricos em substâncias antiinflamatórias, antifúngicas e antitumorais.

Sua cor branca é resultante da flavina rica em minerais, como cálcio e fósforo que ajudam na manutenção dos ossos e dentes, carboidratos e vitamina B6, que favorece a respiração das células e ajuda no metabolismo das proteínas.

Podem se encontradas essas substâncias nos alimentos a seguir: alho, banana, batata, cebola, couve-flor, feijão branco, maçã, pêra, palmito, chuchu, cogumelo, mandioca, nabo e rabanete.

Os alimentos em destaque a seguir como o leite, queijo, couve-flor, batata, arroz, cogumelo e banana são também excelentes fontes de cálcio e de potássio, agem na formação e manutenção dos ossos e músculos.



Alimentos marrons

Composto, pelos cereais integrais e sementes, possuem grande quantidade de fibras, são ricos em selênio, vitamina B e E, tem funções antioxidantes, vasodilatadoras, anticoagulantes, atuam contra a fadiga.

Suas fibras regulam o intestino, agem no controle do colesterol e da diabetes, combatem a ansiedade, e a depressão e previnem contra o câncer e as doenças cardiovasculares.

São encontrados nas nozes, avelã, canela, castanha, centeio, cevada, grão-de-bico, amêndoas, amendoim, arroz integral, aveia integral, feijão, lentilha, pão integral, pinhão, soja, tamarindo e trigo.



Alimentos roxos ou azulados

Alimentos nas tonalidades roxa, preta ou azulada contêm antocianina, um tipo de pigmento ligado à presença da vitamina B1, conhecida como a vitamina da disposição mental e da energia física.

Beneficia o sistema nervoso, os músculos, o coração, retarda o envelhecimento e neutraliza substâncias cancerígenas.

Principais fontes: alcachofra roxa, ameixa roxa, amora, uva, figo, beterraba, repolho roxo, berinjela, feijão-preto, figo e jabuticaba.



III ) CONCLUSÃO

Prezado internauta como pudemos notar ao longo dessa matéria, se, usarmos de bom senso para nos alimentarmos, tendo moderação e variando nas cores, estaremos plantando saúde.

Bastando para isso a prática diária da mudança dos hábitos alimentares, aliados aos remédios ambientais que a natureza nos fornece tais como: o sol, sono, água, ar puro, caminhada.

Certamente estaremos em outro patamar colhendo saúde, vigor e vida longa.

 

Consulte nossas matérias atinentes aos assuntos destacados clicando aqui.


AS DICAS,TRATAMENTOS E ORIENTAÇÕES CONSTANTES DESTE SITE, EM HIPÓTESE ALGUMA SUBSTITUEM NEM DISPENSAM AS CONSULTAS PERIÓDICAS AO MÉDICO.